segunda-feira, 4 de agosto de 2008

Debate da BAND: Coelho fez a diferença

O candidato Hilton Coelho (Psol) fez a diferença e botou pimenta no debate. Sem se importar com as regras, em que as propostas deveriam se sobrepor às farpas, ele disse que o PT é um partido enlameado, citando a morte do servidor da Secretaria Municipal de Saúde, Neylton Souto da Silveira, que ainda está sem solução, atacando diretamente o candidato Walter Pinheiro. Quando questionado por Imbassahy quais seriam os seus projetos para o trânsito em Salvador, Coelho ironizou João Henrique, ao afirmar que o metrô vai sair de "nenhum lugar para lugar algum", arrancando risos dos profissionais de imprensa. (Cíntia Kelly)

4 comentários:

Anônimo disse...

Nada melhor que a história para revelar algumas verdades sobre a vida pública de algumas pessoas. A quase uma década o nosso querido candidato a prefeitura de Salvador mata e morria por figuras como Lula, Wagner, Pinheiro e outros menos votados, comandava a tropa de choque petista dentro de São Lázaro, anti-comunista como todos os outros "companheiros de luta" não poupava crítica a FHC ao tempo
em que o discurso era 100% PT. Bons tempos, aliás é de bom tom lembrar ao ex-companheiro que para falar sobre políticas públicas é melhor primeiro conhecer um pouco da "história" do tema específico a ser tratado para não falar besteira. Que a saúde pública não vai bem, que é preciso melhorar todo mundo fala... mas conhecer de fato a problemática e falar sobre as alternativas são outros quinhentos.

Edmilson Rodrigues disse...

Anonimato e covardia são sinonímeas. Contraditórias com que fala na história como reveladora da verdade. Muitos verdadeiros comunistas - não só adjetiva, mas substantivamente falando - como Hilton Coelho estiveram, até recentemente, dentro do PT combatendo o capitalismo e a ideologia neoliberal, lutando pela reforma agrária, pelo direito à educação pública e gratuita par todos, construindo um projeto soberano de nação, afirmando o internacionalismo solidário como princípio e travando o bom combate contra as oligarquias baianas e de outros rincões brasileiros.
Ora, na ora em que o PT passa a adotar a mesma política as velhas raposas que ao longo de 500 anos acostumaram a sangrar o povo através das maracutaias, das privatizações, do governo em favor dos ricos e pró-imperialista, nada mais coerente do que manter o compromisso com o socialismo e investir na construção de novos instrumentos de luta do povo que contribuam para fortalecer esse projeto estratégico. O triste é ver pretensos comunistas, taxando de anti-comunista verdadeiros lutadores do povo, como tentativa construir justificativas para possíveis alianças espúrias.
Viva Hilton Coelho prefeito de Salvador, Viva o PSOL! Abaixo a mesmice malvada carlista que caracteriza as candidaturas adversárias a do PSOL!
Edmilson Rodrigues

elane disse...

Mesmo estando a milhas de distância acompanho com orgulho a candidatura de Hiltom Coelho, que se apresenta emblemada de novos ares em todos os domínios constituidores da nossa sociedade, seja político, social e econômico, nos fazendo imiscuir em possibilidades que almejam novos rumos. o tempo esta marcado na sua essência pela finitude, passa sempre, não obstante o desejo de o reter sob os pés marcados pelo princípio conservador. Portanto, um novo tempo se apresenta nos apontando possibilidades de escolhas, de novas escolhas. Por sermos atemporais, construimos a nossa história através de vários tons, e o candidato Hiltom Coelho assim tb o fêz, passando por várias matizes, mas, deixando em cada canto do passado os tons desagradáveis para ousar ser diferente no sentido de transversalizar os valores conservadores que se apresentam. Sendo nós seres que tecemos a espiral eterna, a espiral da vida, cujo limite se forma pelo não fim, estamos caminhando sempre em direcão ao cume longínquo, no sentido da construcao de um lugar onde nós e as futuras geracões tenhamos um sorriso na face, nao de escárnio, mas de vaidade por vivermos de forma digna e repeitosa. Por apresentar um jeito diferente e conteúdo tb diferente de fazer política, parabenizo ao Psol e o candidato pela ousadia política que tanto fere os brios daqueles que querem segurar com firmeza bestial os novos tempos. (as cedilhas sumiram do computador,por isso o presente texto se ressente delas).
elane, Acre

Ronaldo disse...

hilton gosto muito de sua coragem que fique sempre desse jeito,palavras de seu eleitor ronaldo.