domingo, 11 de maio de 2008

PSOL da Bahia repudia as declarações racistas

A Bahia tomou conhecimento no dia de hoje das declarações absurdas do professor Antonio Dantas, coordenador do Curso de Medicina da UFBA (Universidade Federal da Bahia), dizendo que a nota da faculdade no Enade (Exame Nacional de Desempenho dos Estudantes) se deve ao "baixo QI [quociente de inteligência] dos baianos", e que "o resultado mostra a baixa inteligência dos alunos". Ele ainda acrescentou que o suposto baixo QI dos baianos é hereditário e verificado "por quem convive com os baianos".

Se não bastasse, foi adiante e declarou que "O baiano toca berimbau porque só tem uma corda. Se tivesse mais cordas, não conseguiria" . Ele acha que isto é franqueza e que "reconhece a limitação dos que o cercam". Ou seja, ele acha que nós baianos somos burros por natureza, apesar de se achar muito esperto!

Este tipo de declaração, nitidamente preconceituosa e racista, não pode ficar incólume. O referido professor, parece ainda hoje defensor das "teorias racialistas", que nos séculos XIX e XX fundamentaram o chamado "racismo científico" base de movimentos de extrema direita cuja maior expressão foi o nazi- fascismo. Na Bahia, tais referências vitimaram profundamente o nosso povo, particularmente os afro-descendentes que tiveram sua cultura, religião e vida social violentamente reprimidas, sob o argumento de sua suposta inferioridade racial. É estarrecedor que este tipo de mentalidade continue tendo espaço em nossa sociedade e na comunidade acadêmica.

O PSOL da Bahia vem a público protestar vigorosamente contra este atentado contra nosso povo e nossa cultura, ao tempo em que exige providências imediatas das instâncias da UFBA. Uma pessoa que dá declarações racistas deste tipo não tem condições de ocupar um cargo de direção e nem mesmo de professor, ou seja, responsável pela educação de nossa juventude, especialmente sendo ele coordenador do Curso de Medicina mais antigo do Brasil, fundado há mais 200 anos.

Marcos Mendes
Presidente do PSOL-Bahia / - Partido Socialismo e Liberdade

2 comentários:

Gilberto disse...

Muito boa esta nota. Principalmente porque foi o único partido que eu vi se pronunciar sobre este absurdo, com uma posição bem firme. Os outros de direita ou de esquerda ficaram mudos.

João José disse...

O PSOL é uma alternativa política hoje, porque os outros partidos estão ficando muito parecidos uns com os outros e todos alinhados com as elites. Mas o PSOL precisa mostrar mais a cara e se mobilizar mais.